25/10/2017 - Franquia

Microfranquia é alternativa de renda extra para representantes comerciais

Microfranquia é alternativa de renda extra para representantes comerciais

A rotina de um representante comercial costuma ser corrida, mas entre idas e vindas de clientes e prospects, metas e relatórios, nem sempre a comissão atende as expectativas. Uma alternativa que pode aumentar significativamente os rendimentos de profissionais que atuam neste ramo é o modelo de microfranquias, que permite aproveitar o dia a dia nas ruas para obter uma fonte extra de receita.

A rede de franquias Mapa da Mina lançou recentemente o modelo Express de venda de semijoias, em que o franqueado adquire 10 torres para expor acessórios em diversos pontos comerciais diferentes. O investimento total neste tipo de empreendimento soma R$ 50 mil – sendo que R$ 27 mil é para a aquisição dos produtos. No modelo Express, o representante comercial pode oferecer produtos em estabelecimentos como salões de beleza, perfumarias e lojas, multiplicando suas possibilidades de ganho.

“Como este público tem muito contato com empresas e o varejo no dia a dia, operar 10 torres de semijoias pode ser uma ótima opção para complemento de renda”, afirma Marcos Pertile, diretor da rede Mapa da Mina. “Por ter essa dinâmica ágil, também é uma franquia muito interessante para candidatos que estejam em fase de transição, deixando os empregos formais para empreender”, diz.

Controle da Microfranquia

O franqueado fica responsável pelo controle dos estoques, pela reposição de peças e pelo gerenciamento das vendas – habilidades que já fazem parte da rotina de um representante comercial.

Para oferecer este tipo de negócio nos comércios, é importante deixar claro o potencial de retorno para o proprietário do estabelecimento, que terá a oportunidade de receber comissões sem nenhuma complexidade, sendo apenas necessário conhecer os produtos da marca para melhor realizar as vendas.

O modelo Express também conta com um aplicativo exclusivo para os franqueados. Com ele, é possível acompanhar as vendas de cada torre em tempo real, identificando os pontos de venda com os melhores indicadores e os que precisam de mais atenção. O aplicativo também indica quando é hora de levar novas peças para as torres. E, pelo app, o franqueado pode consultar todo o catálogo de produtos e mostrar para diversas pessoas a qualquer momento.

Ficou interessado em expandir a sua atuação no mercado e conseguir uma renda extra? Conheça mais sobre a alternativa da microfranquia e o modelo de negócios de baixo investimento.

 

18/10/2017 - Franquia

Microfranquias de produtos ou de serviços: conheça os dois mercados

Microfranquias de produtos ou de serviços: conheça os dois mercados

Depois de muito tempo avaliando as opções de investimento, você resolveu adquirir uma franquia. Mas agora surge outra dúvida: escolher as microfranquias de produtos ou de serviços? O caminho para chegar à resposta mais adequada vai além da afinidade com o tipo de negócio ou a facilidade em gerenciá-lo. É preciso conhecer as características de cada um para decidir qual o melhor mercado a investir.

As diferenças entre as microfranquias

Algumas diferenças são claras entre os dois negócios e podem ajudar você a definir a melhor opção. Veja!

Microfranquias de serviços

Este tipo de mercado agrega atividades de prestação de serviços, como TI, limpeza de casas e escritórios, cuidado com idosos, lavanderia, entre outros.

Para que esses serviços sejam prestados com qualidade, os fatores mais importantes são o atendimento e o desenvolvimento das atividades. E isso, claro, depende muito da pessoa por trás do negócio. Por se tratar de produto humano, não há como ter um controle de padronização, já que fatores como perfil, personalidade e humor variam.

Em microfranquias de serviço, o ponto alto é o relacionamento com o cliente, o que fará com que ele volte ou não a consumir o seu serviço, indique sua empresa aos amigos e familiares e seja fiel à sua marca.

Microfranquias de produtos

Ao contrário do mercado de serviços, espera-se que a venda de produtos em microfranquias siga um padrão de produção, em relação a tamanhos, cores, fontes, sabores e aromas (no caso de produtos gastronômicos), embalagens e demais detalhes, que devem ser idênticos em todos os produtos. Será esse padrão que definirá a qualidade dos produtos vendidos e fará do cliente um consumidor assíduo da marca.

Outra diferença é que, enquanto a prestação de serviço não exige a compra de materiais para venda, as microfranquias de produtos têm esses materiais como essenciais. Mas não precisa se preocupar, pois trata-se de um investimento, e não de um gasto.

E veja: não é porque o foco do negócio está no produto, que o atendimento deverá ser deixado de lado. Manter o consumidor confortável durante o período de compras é fundamental para o sucesso.

Os fatores comuns entre os dois mercados

Independentemente do modelo escolhido, alguns fatores são comuns entre eles, como a taxa de franquia a ser paga para a utilização da marca e seu know-how, o número de funcionários — que pode ser apenas o proprietário — e o método home based, que tem como base do negócio a sua própria casa, sem precisar de um local específico para isso. Tudo isso também significa outro ponto em comum: o baixo investimento.

A franquia Mapa da Mina

Veja o exemplo da franquia Mapa da Mina, marca de acessórios e semijoias que, de olho no mercado de microfranquias, criou o Mapa da Mina Express. Esse nicho da marca resume-se em torres de exposição de bijuterias, que podem ser instaladas em locais de afinidade com o produto, como lojas de roupas e salões de beleza.

Esse modelo, com displays, é pura facilidade ao empreendedor, já que permite que o produto seja vendido sem que esteja a todo momento no local. Além disso, requer pouco investimento. Veja as condições do modelo:

  • taxas de franquia a R$ 10 mil;
  • torres para receber os produtos a R$ 13 mil;
  • e compra de 2000 produtos a R$ 30 mil, que, após a venda, podem reverter até R$ 90 mil para o empresário.

 

Se você se interessou pela Mapa da Mina, entre em contato com a gente e saiba mais sobre a nossa franquia!

 

11/10/2017 - Franquia

Franquias para idosos e aposentados: conheça o modelo home based

Franquias para idosos e aposentados: conheça o modelo home based

Quem trabalhou por muitos anos costuma esperar ansiosamente por sua aposentadoria, não é mesmo? Mas, para muita gente, parar de trabalhar e mudar completamente a rotina não é algo fácil. Por isso, cada vez mais, cresce o número de opção de franquias para idosos e aposentados, que buscam abrir seu próprio negócio depois de sair do emprego formal.

Dessa forma, além de manter a mente ativa e o dia ocupado, é possível colocar em prática o sonho daquele projeto pessoal que estava na gaveta. Com isso, você pode produzir e, ao mesmo tempo, aproveitar a sua aposentadoria. Portanto, saiba mais sobre as franquias e conheça o modelo que permite trabalhar de casa!

As vantagens de uma franquia

Para quem está nessa fase da vida, as franquias são uma excelente opção por diversos motivos. Esse tipo de empreendimento tem estratégias bem estruturadas, marca reconhecida no mercado, padronização de atendimento e de venda/prestação de serviço, auxílio e know-how da franqueadora. Tudo isso ajuda o novo empreendedor a não precisar esquentar a cabeça com as definições da nova empresa.

O modelo de franquia home based

Um tipo específico de franquias bastante atrativo para idosos ou aposentados são as franquias home based. Também chamadas de microfranquias home office, elas têm a base em casa, ou seja, não necessitam de locações específicas. Desse modo, além de ter todas as vantagens de uma franquia comum, você pode trabalhar no conforto do próprio lar. Isso possibilita uma maior flexibilidade de horários, permitindo ao franqueado aliar o trabalho às suas atividades pessoais.

Outra vantagem é não depender de transporte público ou precisar passar longas horas no trânsito para se locomover até o local. Você também pode fazer pausas durante o dia, criando seu próprio horário de trabalho. E, ainda, é possível aproveitar os contatos feitos ao longo dos anos para promover o seu negócio e oferecer seus produtos e/ou serviços.

Devido aos benefícios de não precisar sair de casa para comandar a empresa, as microfranquias também são uma ótima opção para aqueles que precisam cuidar das crianças em casa, possuem outro trabalho ou até mesmo para quem acabou de sair do emprego e possui uma pequena rescisão a investir.

Além disso, as microfranquias home based possuem diversas alternativas, o que permite, ao novo empreendedor, escolher a que mais se encaixa no seu perfil. Por exemplo, é possível gerenciar a comercialização de diversos artigos através da internet (como óculos ou comidas congeladas), prestar serviços de contabilidade, jardinagem, segurança, agenciamento de viagens, educação e, ainda, vender acessórios e semijoias.

Independentemente da opção escolhida, a franqueadora dará todo o suporte sobre o mercado, métodos de venda e o que mais for preciso para o negócio dar certo. Além disso, com a experiência anterior, idosos e aposentados podem contar com a facilidade de atuar em uma área que já conhecem ou, até mesmo, aproveitar as franquias em outro ramo para inovar e aprender algo novo.

Gostou da ideia de poder trabalhar em casa depois de se aposentar? Conheça o modelo Express de vender semijoias, a microfranquia do Mapa da Mina!

Páginas 1234513